5 de nov de 2012

O PREFIXO ISO



Vamos definir Sistema de gestão Ambienta (SGA), segundo a NBR ISO 14001, como a parte do sistema de gestão que compreende a estrutura organizacional, as responsabilidades, as práticas, os procedimentos, os processos e os recursos para aplicar, elaborar, revisar e manter a política ambiental da empresa. Vamos dar um foco para as normas ISO, o prefixo se refere à igualdade, mas que tipo de igualdade, aqui levamos em consideração a igualdade entre as questões ecológicas e antropocêntricas, obviamente ISO é considerada a abreviatura para International Organization for Standardization, mas vejamos o por que liguei ambas interpretações. A ISO é uma organização de origem Suíça criada para o fim desenvolver normas de fabricação, comércio e comunicações, o Brasil participa da ISO através da nossa famosa ABNT. Para nós especificamente vamos focar na ISO 14001, o objetivo principal desta é ser uma referência para a gestão ambiental, homogeneizando a linguagem das normas nacionais e regionais em nível internacional. Esta capacidade que as empresas tem de gerir as relações entre o homem e o meio ambiente deveria ter um denominador de igualdade, onde se extrai a matéria-prima, produz, comercializa, utiliza, descarta e de que forma se da todas estas etapas partindo da natureza. De uma forma geral, usualmente o que vemos são empresas que “adotam” o padrão ecológico, “respeitando” as normativas, mas que se formos averiguar utilizam de variados prefixos para expor seu produto ou serviço, como “politicamente” correto, quando na verdade o que está em voga é somente a forma pela qual a empresa irá tirar seu lucro as custas da ingenuidade dos seus clientes, não havendo de fato a preocupação com o meio ambiente ou então com a própria preservação da saúde dos funcionários/explorados que trabalham nas fábricas e locais de recolhimento da matéria bruta para transformação. Essa portanto, ainda não é a igualdade ideal para a sobrevivência do Planeta Terra.

REFERÊNCIAS:

- Disponível em:
http://www.universoambiental.com.br/novo/artigos_ler.php?canal=6&canallocal=10&canalsub2=28&id=65. Acesso em: 05 nov. 2012.

- Disponível em: http://www.eps.ufsc.br/disserta98/bogo/cap3.html. Acesso em: 05 nov. 2012.

 Autora: Adriele da Rosa Krüger

Um comentário:

  1. Concordo plenamente com você no que se refere à "maquiagem" verde que grande parte das empresas faz apenas para ganhar mercado; isso se chama "greenwashing" e nós vamos discutir mais a frente. No entanto, SGA não está exclusivamente ligado às ISO. No caso das empresas isso ocorre por conta da necessidade de certificação, mas escolas, municípios, ONGs,assentamentos, etc... podem criar suas próprias estruturas de gestão ambiental também, sem preocupação em obedecer à ISO 14001.
    Cuide com a forma com que vc coloca as referências. Existem normas para citar documentos digitais.

    ResponderExcluir